Publicado em 28/05/2020 13h14 - Atualizado 10/06/2020 15h01

Os Melhores Atacantes da História do Brasil no futebol

Por Ao-Vivo

Os melhores atacantes da história no Brasil fizeram e fazem muito sucesso até hoje, servindo de inspiração para muitos jogadores profissionais e amadores da nossa atualidade.

Sendo uma posição de destaque, o atacante está sempre tentando balançar a rede e levar a vitória junto com a sua equipe para o time ou seleção em que joga.

Você é amante do futebol e quer saber um pouco mais sobre os melhores atacantes da história no Brasil? Então confira o texto até  o final.


Melhores atacantes da história no Brasil


Pelé - O Rei

O Rei Pelé é um dos jogadores mais conhecidos em todo o mundo. Durante a sua trajetória no futebol, Pelé atuou no Santos, New York Cosmos e na Seleção Brasileira. Ele se tornou um símbolo mundial de futebol e recebeu assim várias condecorações por ter seus feitos no esporte do Brasil. Em 1958, 1962 e 1970, Pelé se tornou tri campeão mundial.

Pelé marcou na carreira 1284 gols.


Ronaldo - O Fenômeno

Ronaldo fez uma carreira brilhante na Seleção Brasileira e em sua jornada internacional. Sendo de origem humilde, Ronaldo sempre amou o futebol e inclusive deixava de ir para a escola só para jogar bola. Atualmente ele é presidente do Valladolid.

O Fenômeno possui 2 Copas do Mundo (1994 e 2002), 2 Copas América (1997 e 1999), 1 Copa das Confederações (1997) e 1 medalha de bronze nas Olímpiadas (1996).

Ronaldo marcou oficialmente 414 gols em toda a sua carreira.


Romário - O Baixinho

Ronaldo há alguns anos deixou de atuar no esporte para atuar na política. Quando era jogador de futebol, o Baixinho brilhava nos campos e conseguiu se tornar o 4º maior artilheiro da história do futebol brasileiro. Além de jogador, Romário foi o treinador do clube Vasco da Gama.

O Baixinho conseguiu fazer 20 gols em apenas uma temporada, em 1997, conseguindo assim o título de jogador que mais fez gols em apenas uma temporada. Ele conquistou a Copa do Mundo de 1994, Copa das Confederações de 1997 e Copa América de 1989 e 1997.

Romário fez 1002 gols em toda a sua carreira, embora existam muitas controvérsias na contagem.


Imagem Interna


Mané Garrincha - O anjo das pernas tortas

Garrincha é um dos maiores atacantes da história do Brasil, até mesmo por conta da sua história de superação. Mané foi apelidado de anjo das pernas tortas por ser acometido de diversas doenças congênitas como ter uma perna maior que a outra, estrabismo e doenças nos joelhos. No entanto, mesmo assim, ele não deixou de ser uma estrela do futebol.

Garrincha conseguiu conquistar 2 Copas do Mundo (1958 e 1962), 3 Taças Bernardo O'Higgins (1955, 1959 e 1961), 3 Taças Oswaldo Cruz (1958, 1961 e 1962) e 1 Superclássico das Américas (1960). Ele é considerado até hoje um dos maiores dribladores da história do futebol.

Garrincha fez ao todo 278 gols em sua carreira como jogador.


Reinaldo - O Rei do Mineirão

Reinaldo atuou como atacante em maior parte de sua vida pelo Atlético Mineiro. Atualmente ele é técnico do Tricordiano, um clube de Minas Gerais.

Na Seleção Reinaldo conseguiu o 3º lugar na Copa do Mundo de 1978, 3º lugar na Copa América de 1975, foi campeão da Taça da França em 1981 e campeão da Taça da Inglaterra em 1981.

Reinaldo fez oficialmente 255 gols ao longo de sua carreira.


Leônidas da Silva - Diamante Negro ou Homem-Borracha

Leônidas é considerado um dos atacantes mais importantes da história no Brasil ainda na primeira metade do século XX. Leônidas conseguiu um grande destaque ao popularizar o lance bicicleta, no futebol, mesmo não sendo o inventor desse lance.

Ele iniciou a sua carreira no São Cristóvão, depois conseguiu se aperfeiçoar no Bonsucesso e passou pelo Vasco, Botafogo, Flamengo e São Paulo. Leônidas é um dos maiores artilheiros da Seleção Brasileira, onde marcou 37 gols em 37 partidas. Depois de se aposentar em 1950, ele se tornou técnico e depois passou a ser comentarista.

Diamante Negro conquistou a Copa Rio Branco de 1932 e o Superclássico das Américas de 1945.

Leônidas foi o inventor da bicicleta e marcou 329 gols oficialmente ao longo da carreira.


Neymar Jr. - Ney, Neymonstro, Menino Ney, Neymito ou Príncipe do Gol

O Neymar é um dos maiores jogadores de futebol da nossa atualidade e já se encontra na lista dos melhores atacantes da história do futebol brasileiro. Ele foi revelado pelo Santos em 2009 e desde então vem fazendo sucesso no Brasil e em diversos clubes do mundo.

Em 2013 Neymar foi vendido ao Barcelona e em 2017 ele se tornou o jogador mais caro de toda a história do futebol, sendo vendido por 222 milhões de euros ao Paris Saint-Germain.

Neymar carrega até o momento 1 Campeonato Sul-Americano Sub-20 (2011), 4 Superclássico das Américas (2011, 2012, 2014 e 2018), 1 Copa do Mundo (2013), 1 medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres (2012) e medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio (2016).

Ainda em atividade, Neymar já marcou oficialmente 400 gols em seus 11 anos como jogador profissional.


Jairzinho - Furacão da Copa

Jairzinho atuou com um importante atacante na história do Brasil. Ele é considerado um dos heróis da copa de 1970, que levou o Brasil a conquistar a Taça Jules Rimet e ser consagrado como tricampeão. Jairzinho conseguiu fazer gol em todas as partidas que levou o Brasil a essa conquista e por isso recebeu o apelido de Furacão da Copa.

Jairzinho conseguiu 1 Pan-americano (1963), Copa do Mundo (1970) e Taça Independência-Minicopa (1972).

O furacão marcou ao todo 292 gols, alguns entraram para história pela sua plástica e beleza.


Ademir de Menezes - Queixada

Ademir foi um atacante artilheiro revelado pelo Sport do Recife, recebeu o apelido de queixada por ter um queixo grande. Ele era rápido e conseguia fazer jogadas incríveis com suas rápidas arrancadas e jogadas armadas. Além do Sport, Queixada jogou e foi um dos maiores ídolos do Vasco e também passou pelo Fluminense.

Ademir conseguiu 1 Campeonato Sul-Americano de Futebol (1949), 1 Campeonato Pan-americano (1952), 1 Superclássico das Américas (1945), 1 Copa Oswaldo Cruz (1950) e 2 Copas Rio Branco (1947 e 1950).

Ademir marcou oficialmente 301 gols em 429 partida, e ainda hoje é considerado um dos maiores da história do Vasco da Gama.


Eduardo Gonçalves - Tostão, Mineirinho de Ouro, Rei Branco ou Vice-Rei

Tostão é um dos maiores atacantes da história brasileira e considerado também como um dos melhores do futebol internacional. Ele fez uma excelente carreira no Cruzeiro, onde se tornou um dos maiores ídolos do clube. Tostão também passou pelo Vasco da Gama.

O Mineirinho de Ouro conseguiu 1 Copa do Mundo (1970), 1 Superclássico das Américas (1971) e 1 Taça Independência (1972).

Tostão marcou 249 gols em sua carreira e ainda hoje é considerado o maior artilheiro da história do Cruzeiro.


Imagem Interna


Conclusão...

Muitos dos melhores atacantes da história no Brasil fazem parte da lista dos melhores do mundo. Eles não somente fizeram do futebol um esporte mágico, mas trouxe ao Brasil também um reconhecimento e admiração a nível mundial.

Outros grandes atacantes poderiam facilmente fazer parte da nossa lista, como Sócrates, Zico, Raí, Túlio Maravilha, Bebeto, Careca, Casa Grande, Ronaldinho Gaúcho, entre outros, mas, este é um tema para outro post!

Galeria de fotos